Deixe seu Depoimento!


*Campos obrigatórios

Depoimentos

A. G.

Decidi procurar um acompanhamento vocacional, por apresentar grandes dificuldades na decisão da minha carreira profissional. Sempre gostei de muitas áreas, o que tornou tudo ainda mais difícil. No decorrer das sessões, minha decisão começou a tomar rumo, sobrando apenas psicologia e medicina, dentre tantas opções. Sou muito gratas por toda a ajuda e o apoio que tive com você, Rafaela, e de minha família nestes momentos. Vocês tornaram tudo mais fácil de ser decidido e me mostraram o caminho correto para ser seguido. Assim como minha mãe, agradeço o atendimento prestado, profissionais excelentes, confiáveis, comprometidos e mais que isso…humanos! Amei e com toda certeza indico o trabalho da Rafaela, que além de muito competente é linda. Nota 1000

C. T.

Através da INODAP entrei em contato com o ICOP, espaço especializado em Testes Vocacionais. Mas nao são esses testes chatos e entediantes que tem na internet… É um teste sensacional que até faz você perceber coisas em si que não sabia. A Rafa – psicóloga que me atendeu – é maravilhosa, além de ter um carisma e fazer com que você se sinta em casa, é aquele tipo de profissional que percebe, de alguma forma, como esta se sentindo e te ajuda a solucionar o problema de forma singela, sem fazer você sentir aquele desconforto quando mexe na ferida. Ah! E a animação, espontaneidade e o sorriso dela fazem tudo ficar melhor na sessão que poderia ser monótona. São inúmeros mini testes que são feitos. E no começo você até pode pensar “Será que algo tão simples vai ajudar em uma decisão tão complexa?”, mas tem que fazer como eu: confiar totalmente no processo, por que o ICOP sabe o que faz!

G.

Conheci, através de pesquisas na Internet, o ICOP (Instituto de Carreira e Orientação Profissional). Fiz uma entrevista inicial através da qual foi possível avaliar meus objetivos e assim, selecionar o programa mais adequado.
Durante o processo, fui submetida a testes que foram responsáveis pelo mapeamento das minhas habilidades, incitaram meu auto conhecimento e me ensinaram a delinear as opções de atuação no mercado de trabalho, de acordo com as minhas preferências e características.
Ao final do processo, adquiri uma bagagem importante de auto conhecimento que me permitiu traçar, com confiança, os próximos passos da minhas vida profissional. Estou muito satisfeita e recomendo que você dê uma passadinha lá. Sei que aprenderá muita coisa sobre você mesma e ao final estará apta para tomar sábias decisões.

C.E.

Após 12 horas chegou o fim da minha orientação profissional. Sentimentos de alegria, tristeza e medo se misturaram, mas acredito que os mais importante que fica é a certeza do que eu sou. Do que gosto, e do que não gosto, do que tenho ou não tenho perfil.
Autoconhecimento, um dos maiores tesouros que nos podemos ter e nos auto-conceder.
Todo o processo da orientação foi uma descoberta constante e o que mais me impressionou foi como os testes demonstraram quem eu realmente sou. Agora vem a outra parte deste processo, a parte de fazer escolhas e tomada de decisão. O que farei com calma, paciência e de acordo com o que eu sei que gosto, que tenho perfil e que principalmente estará de acordo com os meus valores.
É o fim da orientação profissional mas o início de um novo caminho, de uma nova trajetória.

J.L.

Só tenho elogios. Foi uma experiência excelente, tanto de autoconhecimento (que não tinha nenhum) quanto profissional. Atendimento ótimo, respostas rápidas, dicas que me facilitaram na minha decisão. Agradeço muito a Rafa pelo trabalho que fez comigo!

P.A.

Estive recentemente em um programa de orientação profissional no ICOP com a Rafaela. Entrei no programa sem muita ideia do que gostaria de fazer com minha vida. Estava indeciso entre cerca de 20 diferentes profissões e com dificuldades de selecionar os meus interesses. O processo me incentivou a busca mais a fundo sobre minhas opções e, em processo introspectivo, a entender melhor meus interesses e meu conhecimento sobre mim, o mundo, o mercado de trabalho e meus interesses. Saio do programa satisfeito, pois me ajudou bastante no que foi citado acima.

Gustavo

“Procurei o ICOP em um momento de muitas dúvidas sobre a minha carreira, questionando a minha competência e habilidades. A orientação que tive com a Rafaela foi muito além do que eu esperava. Além do auxilio para me ajudar a compreender melhor qual carreira me faria feliz o processo de autoconhecimento me mostrou como eu posso chegar lá. Indico para todos que estão passando por momentos de dúvida na carreira e também para se conhecer melhor pessoal e profissionalmente. Muito obrigado!

B.S.

Querida futura geração,
Ainda é um pouco cedo para trazer à tona esse assunto e, provavelmente, vocês só precisarão se preocupar com a toma abordado nesta carta daqui a alguns anos.
Agora, em suas respectivas juventudes, poucas coisas realmente importam. Porém, dentro de um certo tempo, vocês, que não podiam praticamente nem escolher o que iriam almoçar, terão de fazer uma grande escolha: a profissional. E, o mesmo tempo em que ninguém nunca o informou sobre as diferentes profissões e nem você aprendeu a decidir por si só, alguém irá o encarrar e perguntar: como assim você não sabe o que quer fazer?
Eu, felizmente, fui orientada por um dos profissionais do Instituto de Carreira e Orientação Profissional em uma época de tensão, na qual não sabia qual curso superior escolher. Fui informada sobre os diferentes mercados de trabalho e profissões, fiz muitos testes, falei e escrevi muito sobre mim mesma, aprendendo, dessa forma, a me conhecer melhor. Isso com certeza foi um fato essencial para que eu pudesse escolher uma profissão e ficar segura a respeito dela.
Para concluir esta carta, gostaria de aconselhar você, leitor, a se informar bastante antes de escolher uma carreira, procure pontos em comum com seus interesses e busque dialogar com pessoas que podem o ajudar, pois isso fará diferença.

A.K.

Acabei o 3º ano do ensino médio ano passado, começando uma nova etapa em minha vida com muitas decisões importantes a serem tomadas, principalmente sobre a carreira profissional, como eu estava em dúvida se deveria fazer o curso de Medicina Veterinária decidi fazer sessões de teste vocacionais com uma psicóloga para ter certeza da minha escolha. A primeira consulta foi apenas para discutirmos como seria o procedimento, o nome da psicóloga é Rafaela, uma pessoa super alegre e simpática. No decorrer das sessões foram feitos diversos questionários e atividades relacionadas tanto a carreira como conhecimentos de minha personalidade, refleti diversos assuntos sobre mim que nunca tinha parado para pensar. Nas últimas sessões eu percebi que fiquei mais confiante em minhas escolhas e que deveria seguir o que eu realmente desejo independente do que as pessoas falam ou da dificuldade de carreira. Graças a ajuda da gentil psicóloga Rafaela eu consegui me sentir mais segura de si e darei meu máximo para conseguir me tornar uma excelente profissional.

E.S.

Chegando ao ICOP – que conheci por meio de uma pesquisa no google – eu tomei conhecimento do “Life Coaching”. Nesta modalidade não apenas a dimensão profissional mas todas as áreas da sua vida passam a ser trabalhadas durante os encontros: emocional, intelectual, físico, relacionamento social, relacionamento familiar, relacionamento íntimo, financeiro, espiritual, lazer e profissional. Achei interessante e resolvi experimentar, confesso que sem a devida clareza do quanto todas estas dimensões realmente são – e precisam estar – integradas. Nós costumamos separar muito as coisas, quando o ideal é buscar o equilíbrio. A Rafaela, que foi minha coach, é uma profissional muito querida e conduziu o processo com muita tranquilidade, respeito e dedicação. Senti-me muito acolhida e, a cada exercício proposto por ela, eu pude descobrir um pouco mais sobre mim mesma. São exercícios simples mas muito potentes. Isso vai te levando a pensar nas suas missões que são meio que chaves-mestras para abrir e fechar as portas de cada área, balizando o que entra e o que sai de cada uma delas. Em meio ao caos de 2014 o coaching e a Rafaela me ajudaram a perceber uma série de coisas importantes e positivas.